Sobre nós

O BCRI

O Brazilian Clinical Research Institute (BCRI) é uma instituição de pesquisa acadêmica ou, do inglês, Academic Research Organization (ARO), sendo a primeira ARO criada na América Latina. Fundado em 2008, foi criado com o objetivo de aprimorar, formalizar e profissionalizar os aspectos operacionais e científicos inerentes ao desenvolvimento e condução da pesquisa clínica; respeitando os princípios éticos e as regulamentações nacionais e internacionais. O BCRI está fundamentado em quatro pilares de excelência: Educação, Ética, Conhecimento e Qualidade, todos com um objetivo comum, melhorar a saúde e qualidade de vida de pacientes no Brasil e na América Latina.

O BCRI representa uma extensão na América Latina do Duke Clinical Research Institute (DCRI), maior Academic Research Organization (ARO) do mundo, e conta, no seu quadro de funcionários do BCRI, docentes de relevantes instituições, todos com destaque no cenário da nacional e internacional. Criado por médicos clínicos e pesquisadores, o BCRI tem como objetivo aproximar a pesquisa da prática clínica, tendo o paciente como centro de suas ações. Dessa forma, a experiência clínica associada ao foco acadêmico pode ser traduzida em alta credibilidade e reputação nacional e internacional. Tal visibilidade possibilitou a formação de uma ampla colaboração entre o BCRI e empresas nacionais e internacionais, assim como com órgãos governamentais como o National Institutes of Health-NIH (BCRI é ARO parceira dos estudos do NIH no Brasil). Como produto deste trabalho, o BCRI apresenta participação e/ou coordenação operacional extensa lista de projetos considerados “divisores de águas” na medicina, como: ARISTOTLE, APPRAISE 2, TECOS, EXSCEL, EUCLID, IMPACT-AF, ODYSSEY OUTCOMES, AUGUSTUS, ISCHEMIA, ISCHEMIA-CKD, I RBH, SECURE-PCI, BRACE-CORONA, ACTION, ACTIV 4a, ACTIVE 4c, entre muitos outros. 

O trabalho do BCRI tem como base o compartilhamento acadêmico de informações científicas, recursos e responsabilidades operacionais; projetos de cooperação com outras universidades, agências de fomento, instituições de pesquisa e indústria farmacêutica no desenvolvimento de protocolos clínicos; acesso a uma rede global de investigadores clínicos com participação ativa em produção científica; compromisso com o aperfeiçoamento da prática médica e busca da melhoria na assistência aos pacientes; treinamento e educação para profissionais da área de pesquisa clínica abordando métodos na elaboração e condução de pesquisa clínica, respeitando os princípios de Boas Práticas Clínicas.

Entre as atribuições do BCRI estão o Planejamento de Estudos, Liderança Acadêmica, Gerenciamento de Projetos e Gerenciamento de Centros e Monitoria, Processos Regulatórios, Classificação de Eventos Clínicos (CEC), Farmacovigilância e Estudos de Qualidade.

Dessa forma, além da liderança nacional e internacional na condução de pesquisas, e consequente geração de conhecimento, o BCRI tem em seu “DNA” a formação de profissionais de pesquisa e identificamos que há uma demanda não atendida na formação de pesquisadores no Brasil.

 

Nossos objetivos

Missão

Desenvolver e compartilhar conhecimento que gere melhoria na saúde e na qualidade de vida dos pacientes no Brasil e na América Latina através de pesquisa clínica inovadora e de alto nível, contribuindo significativamente com o aprimoramento do cuidado aos pacientes em todo o mundo.

Visão

Melhorar a saúde global criando, avaliando e implementando novas estratégias através da colaboração mundial, tanto para pesquisas de ponta quanto para a capacitação e atualização de profissionais na busca da excelência

Valores

Credibilidade em pesquisa, excelência em educação, contribuir por meio da ciência, para uma melhor qualidade de vida dos pacientes, com ética e humanismo.

Parceria Duke

A parceria do BCRI com o Duke Clinical Research Institute (DCRI), a maior organização de pesquisa clínica acadêmica do mundo, é fato inédito e contribui de maneira ímpar para o desenvolvimento da pesquisa clínica no Brasil.

 

Essa associação contribui não apenas para o desenvolvimento da pesquisa clínica no Brasil como também para a formação de novos pesquisadores. Em 2011, o BCRI foi o primeiro centro internacional a ter a aprovação da Duke University para a realização de atividades do mestrado de pesquisa clínica da Duke University com obtenção de diplomas de modo idêntico aos alunos residentes no Estados Unidos.